sábado, 27 de outubro de 2018

Hoje

Tem dias que não precisamos
De um amor louco
Tem dias que não precisamos
De caricias na pele
Ou beijos ardentes
Tem dias que o que mais precisamos
É um abraço apertado
Ou um silêncio compartilhado
Tem dias que precisamos 
Apenas sentir a presença
Que recolha algumas
Lágrimas que teimam em cair
Lembranças que se acumulam
E que em algum momento 
São expulsas como um rio
Que transbordam sem controle
Alguém que escute com a alma
Que fale que esta errada
Mas que teça em elogios
Que tenha a sensibilidade
Em entender que não podemos 
Ser fortes sempre
Mas com a capacidade 
De se reerguer a cada queda
Tem dias que só precisamos
De alguém que nos ame
Hoje é um desses dias...
Fernando Fêh